terça-feira, 3 de junho de 2014

ACEITO QUE HÁ BECOS SEM SAÍDA


Não, eu não te sei guardar.
E quando te encontro no beco, ainda aceito que não haja uma saída. 
Conformo-me com o que (não) temos?

Eu não te sei guardar.


Sem comentários: