Com tecnologia do Blogger.

O PROBLEMA É GOSTAR POUCO


As lembranças ocas destes últimos tempos não me surgem por iniciativa própria. Elucido-me com estranheza pela insignificância dos momentos aos quais me entreguei. Folheio, agora, páginas em branco porque não as lembro. Desde que a pulseira se desprendeu do meu pulso... Quantos desejos teria pedido? Um com certeza estaria relacionado com o amor. 

Libertou-me. Libertou-nos. 

Aliviada, e entusiasmada, olho para ti sob um novo olhar, um novo abraço, um novo beijo, um novo toque. Estás mais longe, mas mais perto. 

Conseguimos, amor. 



Sem comentários